Loading...
Prosas

A imprensa não poderia…

Dessa vez é um desabafo. Eu sei que não vou mudar o mundo com minhas críticas e teorias mas não consigo ficar parada. Me irrita, me congela e me deixa deprimida certas coisas…
Chegou hoje pra mim a noticia de um blog. Um blog de uma “donzela” que tem encontros sexuais com famosos pela internet. Ela usa o msn e a web cam ( web cam é uma camêra de vídeo que fica acoplada ao computador onde você pode tirar fotos, ver a imagem da pessoa do outro lado e, se tiver um programa, gravar vídeos.)
Os famosos, nem são tão famosos assim, pelo menos não figuram na minha lista de amigos. Mas são pessoas conhecidas pelo povo em geral.
Bom, essa mocinha criou um blog pra postar esses vídeos, fotos e conversas que ela tem pelo msn ou que recebe de outras pessoas desocupadas.
Até aí, cada um faz o que quer e publica em seu blog o que der na veneta. O que mais me indigna é a imprensa. O ibope que dão a ela. Os tais “famosos” fazendo escândalos. Querendo processar ela. Mas por que? Eles não fizeram sexo com ela pela web?
A imprensa aproveita tudo isso. E a menina ainda tem o topete de dizer que só dará entrevista na TV pro Fantástico. Juro que se o Fantástico chamar ela nunca mais ligo a TV na Globo. O que pra mim seria o fim da televisão, já que em São Borja é o único canal que pega sem parabólica.
Tantas coisas legais pra se noticiarem, tantos exemplos positivos pros nossos filhos e os meios de comunicação só querem os circos. “Ah… Mas o povo gosta de circo”. A população gosta de circo porque eles estão acostumados com isso. Não existem outras coisas. Tanto é que quando existem eles rapidinho aprendem a gostar do que é bom.
Você não acredita? Então olhe os exemplos a sua volta. Olha os cursos que são criados em favelas, morros e vilas e que nos revelam verdadeiros talentos.
Eu sonho, utopicamente, em ainda ver na TV programas culturais e que realmente alimentem as pessoas com coisas boas. Nos canais abertos é claro. Porque de nada adianta ter esses programas em canais fechados.
Acredito que um dia revistas, que não sejam só de fofocas, estarão disponíveis a todos. Os jornais terão mais conteúdo, menos violência.
Utopia, pura utopia. Mas não é por isso que não vou usar esse espaço pra falar da minha indignação. Pra falar que os maus exemplos estão aí sendo transmitidos, enquanto os bons exemplos tem grande dificuldade de aparecer apesar de existir em dobro.
Sim. Ela pode fazer o que quiser. Sim. ela tem o direito de ser famosa. Não. A imprensa não deveria colaborar com isso.
————————————–
Me recuso a citar o blog ou pagina do orkut dela. Estaria eu sendo hipócrita e ajudando a promove- lá. Por isso não citei seu nome.

Você também pode gostar...

2 comments
  1. viviane canziani

    Oi Luiza querida, tudo bem? Ótimo teu blog guria, amei! Parabéns! Tu podias escrever algo sobre tuas primeiras histórias, cujo personagem central era MINA, lembra? hahahahaha. Tu já eras muito boa naquela época. Beijo

  2. Rani

    Éam, amiga…
    E a minha mono fala justamente isso!!!!

    Acredito que a globo não daria espaço pra isso, e sim outras emissoras (sorte nossa)!!!

    E essa veia jornalística nao perde a prática, han….
    Amo!!!

    =*

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *