Loading...
Prosas

Afinal, quem é que realmente quer ficar solteiro?

Tenho uma dúzia de amigas solteiras que procuram um par. E estou contando mesmo nos dedos. E pelo menos meia dúzia de amigos homens que também procuram pela parceira certa. Certo, o número de amigas é maior que o de amigos. Eles tentam disfarçar que estão procurando. Preferem fingir que a suposta liberdade é algo bom. Mas é só tomar uns dois copinhos de cerveja que já começam a choramingar dizendo que nunca aparece ninguém legal. Será?
As meninas ao contrário. Confessam estar à caça do parceiro ideal. Mas se tomam três copinhos de cerveja (ao contrário do que dizem as mulheres precisam beber mais que os homens para confessarem) revelam que adoram a solteirice e a sensação de novas aventuras. Opa! Para tudo que eu quero descer! Elas querem, no fundo, ser solteiras? Sim. Elas querem. Não todas, mas uma boa parte das disponíveis no mercado.
Mulheres estão cansadas da busca pelo homem ideal. Todas sonham com o príncipe encantado. Só que depois de certa idade e das diversas frustrações com os sapos que saíram dos brejos e invadiram seus caminhos, elas estão desistindo de achar o certo e preferem se divertir, literalmente, com os errados.
Não há mal nenhum nisso. Afinal depois de tantos anos lutando pela igualdade entre os sexos, as mulheres já estão mais que vacinadas e podem ocupar o espaço que quiserem na sociedade. Inclusive de frias, calculistas, cínicas e aproveitadoras de homens. Claro, tudo isso com muito mais charme e sexualidade do que os homens.
Eles passaram a ser vítimas. E apesar de não confessarem, entre eles próprios, estão cada vez mais inseguros e mais declinados a sofrerem de confusões, depressões pós- relacionamentos e se sentirem usados pelo ex-sexo frágil. Homens e mulheres trocaram de papéis, porém os rótulos continuam. Sim. Porque a mulher que pega vários é galinha. No sentido pejorativo. Já o homem é galinha. Não no sentido pejorativo, mas como elogio.
A questão é que se mulheres e homens, apesar de todas as diferenças anatômicas e emocionais estão trocando os papéis e evoluindo em relação ao sexo oposto o que vai acontecer com a humanidade? Sim. Minha preocupação é válida. Se as mulheres, que antes procuravam o par ideal, não querem mais e os homens estão ficando sozinhos, porque elas estão mais sacanas, como vão casar e procriar?
Pode ser que se arranje um meio termo nessa evolução comportamental das espécies. Tanta coisa muda. Quem sabe daqui a pouco o corpo dos homens evolua a ponto deles poderem gerar um filho e assim a troca total dos papéis estará completa. Só, por favor, sem mais apelidos pejorativos. Eles são as novas mulheres do futuro. Poderão experimentar até o que é uma crise de TPM. Claro, isso porque elas são os homens do presente.

Você também pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *