Loading...
Últimos Posts
Prosas

Cuida de mim…

Então em 2007 ( acho que foi, mas se eu estiver errada me corrijam…) tivemos, eu e a incrível turma de jornalistas recém formados que eu fazia parte, que fazer um curta metragem para uma das disciplinas da faculdade.
Escolhemos uma história bem cliche. Daquelas com um mocinho, uma mocinha e um cafajeste (nossa e o Ismael Moreira se saiu muito bem nesse papel… hahahahhaha) História água com açucar, melodramatica e tudo mais. Nada original em termos de romance, mas totalmente diferente de tudo que já se viu por aí.
Procurando as trilhas do curta, Carlos Tiburski descobriu um grupo, que era pouco divulgado na época e que meio que continua assim até hoje. E assim, com a descoberta desses caras bárbaros, surgiu em nossas vidas a trilha tema do curta: Cuida de mim, do Teatro Mágico. Achamos tão bacana a música, a letra e tudo mais que escolhemos por o mesmo nome do curta. Afinal tinha tudo haver com as ideias que tinhamos em nossas mentes de diretores, atores e roteristas. A porra toda deu muito trabalho, mas o resultado foi melhor do que esperavamos. Ao fim e ao cabo chegamos a conclusão de que como profissionais da area de cinema somos otimos jornalistas. Mas isso já é uma outra história.
Enquanto eu escrevia a história, passava o tempo todo ouvindo a música dos caras para me inspirar. Era bacana. Eu conhecia a letra, o sentimento e a melodia de trás para frente. Hoje enquanto procurava uma certa inspiração meus ouvidos captaram ao fundo uma cantoria muito conhecida. Era Cuida de mim… E não deu para evitar de escrever sobre isso. Sobre essa musica que tem tudo haver comigo, com a minha historia e com certeza com a tua também. Sim, por que não? Todos em algum momento da vida passamos por situações de se auto analizar, de se perceber  tentar entender os vários movimentos desordenados da nossa vida.
“Para falar a verdade, ás vezes minto. 
Tentando ser metade do inteiro que eu sinto. 
Pra dizer as vezes que as vezes não digo. 
Sou capaz de fazer da minha briga meu abrigo. 
Tanto faz não satisfaz o que eu preciso. 
Além do mais quem busca nunca é indeciso. 
Eu busquei quem sou. 
Você para mim mostrou que eu não sou sozinho nesse mundo. 
Cuida de mim enquanto não esqueço de você. 
Cuida de mim enquanto finjo que sou o que eu queria ser. 
Cuida de mim enquanto não me esqueço de você.
 Cuida de mim enquanto finjo, enquanto fujo. 
Basta as penas que eu mesmo sinto de mim. 
Junto todas, crio asas, viro querubim. 
Sou da cor, do tom, sabor e som que quiser ouvir. 
Sou calor clarão e escuridão que te faz dormir. 
Quero mais quero a paz que me prometeu. 
Volto atrás se voltar atras assim como eu. “
No fundo todo mundo quer alguém que cuide de si e alguém para cuidar. Todas as pessoas tem essa necessidade e não da para negar isso. Eu quero, você quer e com certeza a pessoa aí do lado também quer. Mas a música dos caras vai muito além disso. Ela fala de se reiventar, de admitir quem se é. De se conhecer e entender o que se sente, faz e escolhe. Porque a vida é feita de escolhas, de provas e de sentimentos. Eu escolhi e você? Vai demorar muito tempo para decidir?  A vida passa rápido demais para se perder tempo pensando. Enquanto a gente pensa as oportunidades passam e não existe outra chance. 

Você também pode gostar...

4 comments
  1. Lú Dall'Onder

    Lulu!!!

    Eu simplesmente amoooo Teatro mágico e Fernando Aniteli…

    Os descobri fuçando na net e me apaixonei!! Ano passado eles fizeram um show na abertura do Fórum Social Mundial em porto Alegre e quase me cortei os pulsos com o CD da banda Calypso (tragédia pouca é bobagem,kkk) por que não consegui ir….

    Parabéns pelo trabalho e pelo bom gosto!
    bju

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *