Loading...
Prosas

Teoria sobre a intensidade dos sentimentos

Estar apaixonada é a melhor coisa que existe na vida. Não interessa por quem, pelo que, quando, onde e como. Amar algo. Sentir aquele frenesi. Se sentir viva. Sorrir sem motivos. Ficar eufórica com uma música, um olhar ou um simples pensamento. Se jogar de cabeça sem pensar em mais nada. Sem conseqüências, sem prudências, sem medos.
A intensidade do sentimento paixão é tão forte que não tem como medir. Só em loucuras. Quanto mais apaixonado, mais loucuras o vivente faz. Mais se joga de cabeça, mais irracional fica e muitas vezes nem consegue depois se encarar no espelho lembrando das besteiras que fez.
Sentimentos são intensos mesmo. Não importa se eles são bons ou ruins. Sempre são intensos. E pessoas que demonstram toda essa intensidade são mais divertidas. Chamam mais a atenção e, normalmente, parecem mais felizes que as pessoas meia boca.
Nada contra o time do meia boca. Até porque alguns deles tem traumas incríveis, por outras experiências vividas, e esse meia boca pode, as vezes, ser uma pessoa super bacana, disfarçada e mascarada de pessoa comum.
Fala sério. Quantas vezes você topou com uma pessoa super intensa e ficou encantada? Quem são seu ídolos? Quem é aquela pessoa que deixa você completamente fora de si? O cara mais badalado? A mina mais sensual? Sempre, sem excessão são pessoas intensas.
Pessoas meia boca passam desapercebidas pelo meio da multidão.  Tá certo que o que pode ser intenso para mim pode ser meia boca para você e vice e versa. Mas o que importa é que seja intenso para cada um. 
Ser intenso é sentir tudo. É dar espaço para que as sensações sejam únicas. É não ter medos de se arriscar. É viver a vida, de forma leve, sorrindo e agradecendo por cada sentimento. Os bons e os ruins. Porque são os ruins que fazem a gente crescer e ser mais intensa nos bons.  A intensidade dos acontecimentos depende muito das suas escolhas. E suas escolhas dependem dos sentimentos vividos.  Tudo é um ciclo e quanto mais intenso ele é, mais você terá a sensação de ter vivido de forma plena.
Portanto, você que lê toda essa insanidade sobre sentimentos, intensidade e vida neste momento, pare e pense: Quanto intenso são os sentimentos? Quanto feliz você é? 
Tente ser intenso. Tente sentir tudo que realmente sente. Tente não ter medos. Se jogue de cabeça. Seja apaixonado por tudo a sua volta e acredite: Só vivemos uma vez e quando não abrimos a porta para as oportunidades que nela batem, não se terá outra chance. Não daquele jeito. Não daquela forma. Não com aquele sentimento.Não com toda a intensidade.

Você também pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *