Loading...
Prosas

Teorias sobre o preconceito

Há quem diga que preconceito não existe mais nos tempos de hoje. Há aqueles que defendem o direito de dar sua opinião sejam elas como forem, carregadas de ódios, de dúvidas, de conhecimentos distorcidos e meias verdades.


Preconceito é crime. Isso é fato. Mas o que não entendo é o que gera o preconceito. Não entendo mas teorizo sobre muitas hipóteses. A principal é o medo. Temos medo de tudo que nos é estranho, de tudo que não conhecemos, de tudo que queremos experimentar.


Medo gera ansiedade. Ansiedade gera sentimentos conflituosos. Junto a isso adiciona-se  um pitaco de ignorância (por favor, leia ignorância no sentido de quem ignora o conhecimento, não como pejorativo), sacode tudo dentro da caxola e pronto: nasceu o preconceito. Preconceito contra sexo, raça, cor, religião, opção sexual, profissão, classe social. Tem preconceito de tanta coisa que a gente se perde se for enumerar.


Vai entender. Preconceito vem do medo e vem da raiva. Só ai a gente já percebe que ele não pode ser bom. E não me venha, por favor, falar que sua religião prega o preconceito. Porque se ela faz isso, sinto em informar que ela não segue os mandamentos de Deus. Deus disse: “Ama ao teu próximo como ama-te a ti mesmo”. Ele não botou nenhuma cláusula de excessão na frase. Ou seja é para amar independente de classe, cor, sexo, religião ou raça.


Não tenha medo. Resolva seus conflitos antes de sair blasfemando por ai. Procure a raiz de seus preconceito. Veja de onde herdou esses conceitos. Olhe ao seu redor e perceba que somos todos iguais. Tenho orgulho em dizer que sou branca, tenho um pai de criação negro, uma amiga de infância judia e muitos amigos gays. Ensinei a minha filha a conviver com as diferenças e ela respeita a todos independente de sua cor, raça, religião ou opção sexual.


Liberdade de expressão é direito. Preconceito é crime. Ou seja, dois mais dois igual a quatro. Expressar opiniões preconceituosas é crime e nada disso tem a ver com Deus. Isso tudo são leis criadas pelos homens que cada vez ficam mais sábios, menos hipócritas que começam a entender qual foi a intenção do Todo Poderoso ao criar o mundo e pessoas tão diferentes umas das outras: o amor e o respeito.



Você também pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *