Loading...
Prosas

Carta para meus filhos lerem no futuro



Meus filhos,

O que posso dizer para vocês? Hoje, enquanto escrevo, olho para vocês e meu coração se enche de alegria. Enquanto o PH brinca, rola de um lado para o outro em seu tapete colorido e ensaia as primeiras engatinhadas, a Duda estuda, fuça o notebook e se prepara para o futuro. Ah, o futuro. Algo tão incerto, tão longe e os mesmo tempo tão próximo. O futuro que atropela o presente e transforma o hoje em ontem rapidamente. Não tenham medo do futuro. Ele é a renovação. Mas também não esqueçam que suas ações no presente é que conduzem para um futuro melhor. E que seu passado é sua bagagem, uma bagagem que deve ser honrada e carregada como um tesouro.



Mais do que para onde vão, de onde vocês vem é que importa. Não esqueçam o quão importante é isso. Lembrem-se sempre dos momentos de amor, dos abraços gostosos, das coisas que passamos juntos. Das brincadeiras que fortaleceram, do gosto da torta de maçã, das casas onde fomos felizes, dos amigos que conquistamos, das dificuldades que enfrentamos. As conversas que tivemos e os “nãos” que muitas vezes eu disse e foram incompreendidos.

Não sei se vocês notaram o quanto o mundo está diferente. Ele muda tão rapidamente quanto vocês crescem. E os conceitos também. As teorias evoluem e cada coisa parece ficar mais independente assim como vocês. Crescidos e trilhando seus próprios caminhos.

Nunca esqueçam as coisas básicas que sempre ensinamos a vocês. Amem os bichos, respeitem os mais velhos. Sorriam para as pessoas e estendam suas mãos a quem precisar. Gentileza nunca é demais e se queremos um futuro melhor, depende de nós começarmos a plantar essa semente. Não importa o que seu amigo diga. Não importa o que os outros fazem, só importa quem você é e como você dorme a noite. Não deixe que ninguém diga que você não é capaz ou não pode. Mas prestem atenção nos conselhos daqueles que lhes querem bem.

Aproveitem tudo que a vida oferece. Amem intensamente, festejem, brinquem, comemorem. Mas não esqueçam que a cautela é sempre amiga dos que prezam a vida. Não esqueçam o cinto de segurança, não esqueçam que quem bebe não dirige e que nunca devemos entrar no carro com alguém que ingeriu alguma bebida alcoólica. Pensem antes de agir, mas de vez em quando ajam por impulso.

Sejam sempre felizes e quando tudo estiver cinza, pensem em meu abraço. No cheiro da torta de maçã e nas cantigas de ninar. A coisa mais reconfortante é saber que sua mãe está ali, na hora que você precisar.

Com amor,

Mamãe

Você também pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *