Loading...
Prosas

Tempestade de verão

Eu queria ser como você e decidir as coisas de forma simples, sem criar mil teorias contraditórias na minha cabeça e nem confabular com meus outros eus o que deveria ser o certo ou não. Eu poderia simplesmente deixar as coisas acontecerem, sem criar regras, fantasias ou imaginar cenários. Mas eu não consigo. Cada frase tua chega como um emaranhado de túneis disponíveis para mim e eu não sei qual o caminho eu quero escolher. 
Meu lado racional diz para seguir o caminho seguro, me afastar enquanto é tempo. Meu lado emocional ascende todas as luzes verdes me jogando em teus braços e me entregando por inteira. E meu corpo arde de pensar na possibilidade das tuas mãos me tocarem. São dois eus indo ao teu encontro e apenas um tentando fugir. 

E será que só por que dois querem a mesma coisa a minha parte racional está errada? Ou será que por que eu tenho medos bobos e absurdos, tenho metas traçadas e uma vida toda planejada com começo, meio e fim, minha mente tenta me ludibriar dizendo que meu coração não pode ser ouvido? E os sinais do meu corpo? Devem ser ignorados?
Eu não sei a diferença do certo ou do errado nesse momento. O que eu quero e o que eu deveria querer, o que é minha vida com ou sem você. E eu não consigo parar de pensar no medo que eu sinto de mim mesmo quando penso em nós. Quando tento entender meus sentimentos, quando tento entender nossa história, só consigo pensar no que eu desejo e não nas consequências do que desejo.  Ao mesmo tempo em que parece tão errado te querer parece tão certo, natural, como deveria ser. 
Eu ainda tenho muito a viver, amadureço ideias e conceitos e me conheço um pouco mais a cada dia. Você entrou na minha vida como um lindo dia quente de sol e de repente me transformou em uma tempestade de verão, pesada, nublada, cinzenta e com muitos raios e trovões. Se nós fossemos eventos climatológicos você seria uma primavera e eu um furacão pronto pra destruir com tudo inconscientemente e com toda a plenitude de saber o que estava fazendo.

Eu só quero te devorar, te consumir, te sentir pulsar em mim e isso me consome as energias, me deixa exausto por lutar contra algo que parece ter uma força maior do que eu. Aconteça o que acontecer você bagunçou pra sempre minha vida e me deixou vivendo os momentos mais tensos e ao mesmo tempo os mais sublimes. 

Você também pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *