Loading...
Últimos Posts
Causos

Imagine

Um dia eu descobri que não precisamos mais da proximidade física. Um dia eu entendi que tudo que havia entre nós era energia pura. Um dia eu imaginei que você não tinha partido. Apenas imagine, por um instante, que estou exatamente ao seu lado. Feche os olhos. Agora. E imagine.

Nós dois no seu quarto, deitados de frente um para o outro. Imagine como se você estivesse vendo pelos seus olhos. Você olha pra mim, rosto a rosto. Vê meus olhos no escuro, um brilho longe. Não vê, mas sente meu corpo encostando no seu. Quente. Minha barriga encostando na sua. Você sente o cheiro do meu perfume mais forte a cada vez que eu me aproximo. Meu corpo todo gruda no seu. Sem amarras, sem barreiras, sem nenhum tipo de impedimento que não seja a sua pele e a minha.

Consegue se imaginar assim? Meu olho vidrado no seu e nossos corpos colados. Quentes, suando. Você não vê mais nada, só meu rosto. Sente minha mão deslizando nas suas curvas. Descendo pelas suas costas até chegar na sua coluna. Deslizando com a ponta da unha. De leve. Ainda não te beijei. Só te olho.

Te sinto nervoso. Tenso. Sei que você está, e é exatamente o que eu quero. Te beijo. Você fecha os olhos e não vê mais nada. Só sente a minha língua na sua,  molhada e quente. Você sente minha mão percorrendo cada curva do seu corpo. Suspira de leve. Abre os olhos e me encara. Aproxima ainda mais nossos corpos e me da recados pelo seu olhar. Que eu obedeço. Sei exatamente o que você quer. O que você gosta. Então mordo sua orelha te fazendo arrepiar, arquear e ofegar.

Seu corpo pulsa esperando o meu. Cada pulsada é um suspiro a mais, um gemido a mais, um tom mais alto.  Minhas mãos fazem caminhos sem lógica. Suas mãos me puxam mais perto, mais dentro, mais forte. Seguro seu cabelo e sussurro em seu ouvido “não existem mais distâncias” e você se entrega a nossa imaginação.

E não existem mais distâncias para nós. Nesse mundo, em outro mundo. Nessa vida ou em outra. Nossa conexão nunca terá fim e mesmo que a sua voz não possa ser ouvida ainda assim ela ela ressoa ma minha cabeça com uma suave melodia. Não existem mais distâncias. Onde quer que você esteja no meu peito ainda bate seu pulsar.

————-

Gostou? Então confere meu último lançamento “Sexo Virtual, Amor Real” na nossa livraria.

Você também pode gostar...

48 comments
  1. Karla Samira

    Olá! Que texto mais lindo você escreveu! Adoro esse tipo de história em que as pessoas se envolvem, esse início de relacionamento, onde o sexo também está começando a amadurecer entre os dois. E, claro, como adoro um hot, vou procurar o título “Sexo Virtual, Amor Real” para adicionar à minha lista de leitura. Parabéns pela escrita, você é muito talentosa!
    Beijos!
    Karla Samira
    http://pacoteliterario.blogspot.com.br/

    1. Luísa Aranha

      Obrigada Karla!
      Depois me conta o que achou do Sexo Virtual, Amor Real! Dia 15 será lançado o “Sexo Real, Amor sem igual”que é o ponto de vista do protagonista masculino contando como foi para superar as diferenças entre os dois!

      Bjos

  2. Danusia Santos de Paula

    Super comprei a ideia do texto, da para imaginar tudo muito bem. Parabéns pela escrita vou “sexy sem ser vulgar” e deu para perceber a paixão crescendo mesmo sem saber o que o outro estava pensando. Mais uma vez Parabéns!!

  3. Luana Regina S. Alves

    Ótimo texto! Quem dera fosse possível voltar no tempo e recuperar sensações da forma descrita. Sonho meu… kkk
    Bjsss
    Luana

  4. Manoel Alves

    Olá
    Como já dizia Luan Santana (A gente não precisa tá colado pra tá junto) kkkk. Falar sobre distância para algumas pessoas é algo bem difícil, mas eu sempre levo para o lado positivo (SEMPRE) e sigo essa teoria que a distância física não importa. Adorei o texto. Até mais ver
    Bjs

  5. Raíssa Nantes

    Nossa! Que intenso <3
    Lindo texto,, querida.De tirar o fôlego e tão cheio de verdades sobre toda essa sinergia que envolve dois seres tão conectados apesar das distâncias. LINDO! Parabéns! Como sempre arrasando nos textos. 🙂

    Raíssa Nantes

  6. Bruna Costabeber

    Olá!
    Como sempre, seu texto está extraordinário. Gostei de seu último parágrafo, acho que não poderia ser mais bem escrito.
    Espero ter a oportunidade de ler outros livros seus.
    Beijos

  7. Grazielli

    Oie amore,

    Nossa tão bom ler um texto desse, que delícia, senti como se de fato estivesse imaginando alguém aqui comigo… até minha respiração ficou ofegante e coração pulsante.
    Com certeza já anotei a dica por aqui!
    Ansiosíssima pela leitura dessa belezura!

    Beijoka!

  8. Júlio

    Boa noite

    Belo texto, a forma como escreveu nos faz imaginar a cena detalhe a detalhe, nos dá a sensação de vivenciar o que está acontecendo. Parabéns!!!

  9. Ana Paula Lima

    Oiii

    Que texto mais amorzinho! Assim como os demais, estou apaixonada por esse. É engraçado como consigo me conectar com seus textos.

    Beijinhos

  10. Suelen Fernandes

    Olá!
    Cada texto que leio seu fico mais encantada com a história. As veze a saudade e o amor é tão intenso que só de imaginarmos nós conseguimos sentir a outra pessoa. É uma sensação maravilhosa.
    Espero ler mais textos seu.
    Beijinhos!

  11. Paulo Rafael Botter Franco

    Olá! Sempre bom ler seus textos, incríveis! Viciantes! Intensos! Esse não foi diferente, adorei! O amor entre duas pessoas são intensos e mágico, seu texto deixo isso bem claro e lógico, para refletir nós leitores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *